O segmento de Logística abrange o transporte e o manuseio de diferentes produtos industriais.

Entre os transportes, destacam-se:

  • Rodoviário: devido, em grande parte, à priorização histórica do governo brasileiro em relação a este tipo de transporte, com a construção de estradas e incentivos às empresas automobilísticas, o modelo rodoviário prevaleceu em relação a outros e hoje corresponde a mais de 60% de todo o transporte de carga realizado no país;
  • Ferroviário: os trens são particularmente direcionados para o transporte de carga de baixo valor e grande volume como, por exemplo, minérios, produtos siderúrgicos, fertilizantes, dentre outros.  No Brasil, as ferrovias são responsáveis por, aproximadamente, 20% do transporte de cargas;
  • Hidroviário: o transporte marítimo é consideravelmente predominante sobre o transporte fluvial, cobrindo a maior parte das matérias-primas básicas destinadas à exportação. No Brasil, o transporte de cargas por via aquática corresponde, aproximadamente, a 14% do total;
  • Dutoviário: embora corresponda a apenas 4% do transporte de cargas no Brasil, o transporte de mercadorias feito através de dutos pode ser considerado o mais seguro e eficiente modo de deslocamento de cargas, desempenhando importante papel, sobretudo, em transportes de longa distância. Destacam-se os transportes de gases, óleos e minérios por este tipo de estrutura;
  • Aeroviário: o transporte aéreo de cargas possui custo elevado e capacidade reduzida em relação a outros tipos de transporte, sendo comumente reservado para mercadorias de alto valor agregado e baixo volume. No Brasil, os aviões são responsáveis pelo deslocamento de menos de 1% da carga total.

 

Manuseio de Materiais

Fonte: Empresas do Setor
 

Conheça os casos de sucesso deste setor.